A educação é o único caminho,reflexões, isabel, de, farias, ribeirão, preto, revide, educação,

A educação é o único caminho

Quando começamos a desenhar um novo projeto editorial, sempre me questiono o quanto de relevância ele terá daqui a 20 anos ou mais tempo. Quando revejo os trabalhos que realizamos nos últimos 35 anos, eu me dou conta do quanto a mídia impressa tem importância no resgate histórico de um povo. Nas páginas dos jornais e das revistas, os fatos do cotidiano ficam registrados. Nas miudezas da vida, conseguimos identificar tendências do comportamento da sociedade. Nas mudanças de paradigmas, nos avanços e nos retrocessos, a vida vai moldando o seu caminho.

Esse é o momento que estamos vivendo, quase pós- pandêmico, mas ainda inspirando cuidados. Mesmo com a comprovada eficácia das vacinas no controle do vírus, ainda é muito difícil prever quais serão as sequelas físicas e sociais desses quase dois anos de isolamento e a interrupção da vida de uma grande parte das pessoas. Viagens suspensas, cursos prorrogados, casamentos e festas de formatura que não se concretizaram, sonhos que precisaram esperar. Uma certeza podemos ter: a educação das crianças vai precisar ser repensada e muito cuidada nos próximos anos. O tempo perdido para alguns estudantes que dependeram do poder público para a sua aprendizagem foi um golpe muito forte, segundo os especialistas em educação. 

Dias desses uma amiga que já é avó comentou comigo que a neta se nega voltar a estudar argumentando que a escola não ensina e não servirá para ela. Uma desesperança naquilo que já foi considerado como uma porta de entrada para uma vida mais digna. Por muitos anos, estudar era sinônimo de melhoria de vida. Há poucos anos, existiam famílias que tinha uma única geração que conseguiu terminar o curso superior. Estamos falando de 30 anos atrás. É muito pouco tempo para desvalorizar algo que demorou tanto a ser mais democrático. 

E agora essa ausência nas salas de aula fez com que milhares de alunos desistissem, perdendo a chance de uma vida melhor.  Mais estudo significa melhores condições nesse mercado de trabalho cada vez mais exigente de pessoas com qualificação. É por isso que estamos trabalhando para viabilizar uma revista especial que mostre esse cenário a partir do olhar dos estudantes: afinal, o que essa pandemia provocou de real nas expectativas para o seu futuro acadêmico? O nosso objetivo é viabilizar um retrato desse momento e mostrar quais os caminhos apontados pelos especialistas em educação.  Espero viabilizar mais esse projeto que confirme a nossa missão de ter relevância nesse momento e no futuro. 

Compartilhar:




Blog Reflexões do Cotidiano

Isabel de Farias
Por Isabel de Farias Jornalista e empresária, e-mail:[email protected]
Ver todas as postagens de Isabel de Farias