O fim da invisibilidade (impunidade) de delitos?,invisibilidade, poder, impunidade, delito

O fim da invisibilidade (impunidade) de delitos?

No filme O Homem Sem Sombra, de 2000, um grupo de cientista trabalha para desenvolver uma fórmula de invisibilidade. Após certo sucesso com cobaias, o líder da equipe, Sebastian Craine (Kevin Bacon), decide a testar a fórmula nele mesmo. Craine ganha, então, um novo “poder”: ele se torna invisível. Ora, tudo leva a crer que este filme seria classificado como uma ficção científica, certo? Não, ele é considerado um filme de ação, suspense e terror. A razão disso é explicada no próprio trailer do filme por meio da pergunta “O que você faria se soubesse que não pode ser visto?”.

A sensação de poder de Sebastian associada à impunidade decorrente da invisibilidade dele mostra-se uma combinação perigosa. Ele se volta contra sua equipe que apenas busca desenvolver um antídoto. Se ninguém pudesse observar como nos comportamos, será que nos comportaríamos bem?

Além de não ser visto pelos demais, o que encobre seus delitos, o homem invisível diz “É incrível o que pode fazer quando não tem mais que se olhar no espelho”. Se não prestássemos conta nem as nossas consciências, será que nos comportaríamos bem?

Sem prestar conta a sua consciência e ao outro, o homem invisível desfruta do seu poder e da impunidade, agindo com violência e terror!

No Brasil alguns parecem crer que são invisíveis, isto é, que o poder que detém lhes garante a impunidade. Quando assistimos escândalos de corrupção envolvendo a saúde em plena pandemia sanitária, não hesitamos em concluir que esses não prestam contas nem à própria consciência. Também nos choca quando aqueles que detém poder, outorgado pelo Estado, para proteger a população, o usam para violentar a própria população. Impossível não citar os flagrantes recentes de violência policial nos Estados Unidos. 

A boa notícia é que a própria população tem colaborado para o fim dessa invisibilidade! Um simples celular tornou-se uma potente “arma” na mão de cada cidadão. Denúncias baseadas em filmagens amadoras são o verdadeiro antídoto contra a sensação de invisibilidade que tomou certos poderosos. Dia após dia temos visto versões serem desmentidas por imagens que mostram a violência policial, por exemplo.

Em tempos de pandemia, vale destacar que alguns que se sentem poderosos tem cometido insultos contra pessoas que zelam pela nossa segurança e as câmeras de celulares têm denunciado esse comportamento inapropriado.

Trazer à luz o que de fato ocorreu, por meio da filmagem de um simples celular, tem tornado visíveis os mais variados abusos e delitos. Talvez, a visibilidade nos proteja mais dos que as armas!

 

Créditos da imagem: Melanie Wasser, do Unsplash.

Compartilhar:




Blog Economia & Gestão

Fábio Gomes
Por Fábio Gomes Neste espaço abordarei temas de Economia e de Gestão que se relacionam à nossa vida cotidiana., e-mail:[email protected]
Ver todas as postagens de Fábio Gomes