Conexão 6.0, tecnologia, idosos, Ribeirão Preto

Conexão 6.0

Mantendo-se ativo, público com mais de 60 anos movimenta o mercado de produtos e serviços, fomentando o crescimento da tecnologia; iniciativa seleciona trabalhos de inovação para essa parcela da popul

Um quinto da população brasileira é composta por pessoas com 60 anos ou mais, segundo estudo do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Cada vez mais ativa, essa parcela de brasileiros cresce em participação no mercado de produtos e serviços, movimentando a economia e novas iniciativas.

O Aging 2.0, uma instituição mundial votada para a inovação, enfrentamento de desafios e oportunidades do envelhecimento, está presente em 25 países. No Brasil, desde 2020, possui um capítulo regional em Ribeirão Preto. O geriatra e embaixador da unidade, Paulo Formighieri, atento ao cenário populacional, destaca que o objetivo da instituição é construir uma rede global de comunidades saudáveis e sustentáveis que ajudam o público com mais de 60 anos a se adaptar e prosperar. O Aging 2.0 Brasil identifica oito principais desafios para essa faixa etária: bem-estar financeiro, mobilidade e movimento, vida diária e estilo de vida, coordenação de atendimento, saúde mental, engajamento e propósito, cuidados e atenção voltada ao fim da vida. Assim, está sempre em busca de parceiros que desejam investir nestas soluções. “Enxergamos esse momento como uma oportunidade exclusiva nos cuidados assistenciais de saúde dos 60+. Para isso, buscamos soluções integradas e universais, valorizando o envelhecimento dentro da comunidade e de seus valores”, afirma o embaixador do Aging 2.0.

Nesse contexto, o Aging 2.0 Brasil abriu inscrições, até o dia 16 de agosto, para a 3ª Chamada Seniortechs - StartUp Search, cujo objetivo é a criação de negócios calçados em tecnologias digitais, voltados à população com mais de 60 anos. Para participar, a startup deve focar seus produtos e/ou serviços no público 60+, ter fins lucrativos, apresentar soluções com inovação tecnológica digital, ter desenvolvido os produtos e/ou soluções no Brasil. Inscrições e informações podem ser obtidas pelo site: https://agingstartupsearch.com.br/. 

Compartilhar: