Rumo à nova era, televisão, sinal, tv, tecnologia

Rumo à nova era

Os canais abertos de televisão estão prestes a mudar o tipo de transmissão definitivamente: a partir de 29 de novembro, Ribeirão Preto e 19 municípios da região terão disponível apenas o sinal digital

Vandreza Freiria explica que os kits serão entregues em data, horário e local programadosAssistir à TV com imagem e áudio de cinema sem ter que pagar nada por isso: essa é a promessa da transmissão do sistema digital de televisão, que está prestes a ser implantado em Ribeirão Preto e em mais 19 municípios da região. A tecnologia, que está disponível no Brasil desde 2006, começou a ser executada definitivamente em 2016, na cidade de Rio Verde, em Goiás.

Pensando na mudança, e também para auxiliar a população brasileira neste processo, por determinação da Agência Nacional de  Telecomunicações (Anatel), foi criada a ONG “Seja Digital”, responsável por operacionalizar a migração do sinal analógico para o digital da televisão aberta no país. Com a missão de garantir que a população tenha acesso à tecnologia, a entidade oferece suporte didático, com campanhas de comunicação, mobilização social e distribuição de kits gratuitos com antena digital e conversor com controle para as famílias cadastradas em programas sociais do Governo Federal.

Para agilizar o processo em Ribeirão Preto e região, além das campanhas midiáticas que serão realizadas, a ONG também promove ações junto às prefeituras, com treinamentos gratuitos para os assistentes sociais dos munícipios e até para os agentes da saúde, que poderão ajudar a população nessa transição.  

A programação dos canais abertos de televisão nessas cidades será transmitida, a partir do dia 29 de novembro, apenas pelo sinal digital. Para continuar assistindo aos programas, todas as residências precisam ter uma antena apropriada ou um aparelho de televisão preparado para receber o sinal.

A migração do analógico para o digital representa um avanço tecnológico para o país. Segundo Vandreza Freiria, gerente regional do Seja Digital, ao desligar o sinal analógico de TV, será liberada uma faixa de radiofrequência dos 700 MHz, o que permitirá que as operadoras de telefonia móvel ativem a tecnologia 4G neste espaço, melhorando a qualidade do serviço. “A tecnologia 4G é mais veloz, tem melhor qualidade e maior cobertura, inclusive, em ambientes fechados”, conta Vandreza.

Kits Gratuitos 

Na região, serão distribuídos, sem custo, cerca de 75 mil kits com antena digital e conversor com controle para as famílias cadastradas em programas sociais do Governo Federal. Em Ribeirão Preto, mais de 25 mil núcleos familiares serão beneficiados. Os interessados em receber o material devem acessar o site sejadigital.com.br/kit ou ligar gratuitamente para o número 147 com o Número de Identificação Social (NIS) em mãos. Se o nome estiver na lista, deverá escolher dia, horário e local para a retirada do kit gratuito. 

Caso não esteja na lista, basta preencher o formulário com os dados de contato para que a pessoa possa receber a orientação necessária sobre como preparar a residência para receber o sinal digital de TV. “Os kits serão entregues em local, dia e horário que as famílias vão escolher no momento do agendamento pelo site ou pelo telefone. Já estamos trabalhando para que a informação sobre o desligamento do sinal analógico de TV chegue a toda população e que todos possam se preparar com antecedência, uma vez que o sinal digital já está disponível”, explica Vandreza. 

Quem tem direito ao kit? 

Pessoas que são beneficiadas pelos seguintes programas sociais do Governo:
Bolsa Família; Pronatec; Tarifa Social de Energia Elétrica; Minha Casa, Minha Vida; Carteira do Idoso; Aposentadoria para pessoas de baixa renda; Telefone Popular; Isenção de pagamento de taxa de inscrição de Concursos Públicos; Programa Cisternas; Água para todos; Bolsa Verde (Programa de Apoio a Conservação Ambiental); Bolsa Estiagem; Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais/Assistência Técnica e Extensão Rural; Programa Nacional de Reforma Agrária; Programa Nacional de Crédito Fundiário; Crédito Instalação; Carta Social; Serviços Assistenciais; Programa Brasil Alfabetizado; Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI). 

Quais cidades que terão o sinal analógico desligado em novembro? 
Altinópolis, Barrinha, Brodowski, Cravinhos, Jaboticabal, Jardinópolis, Luiz Antônio, Morro Agudo, Orlândia, Pitangueiras, Pontal, Ribeirão Preto, Sales Oliveira, Santa Cruz da Esperança, Santo Antônio da Alegria, São Simão, Serra Azul, Serrana, Sertãozinho e Taquaral.

Seja Digital

Dúvidas podem ser esclarecidas por meio do site sejadigital.com.br ou pelo número 147. As ligações são gratuitas.

Passos para a mudança

1º Passo:
Identificar quais aparelhos de TV da casa serão impactados pela mudança de sinal.

TV por assinatura
Se a família é cliente de TV por assinatura, não é preciso realizar nenhum procedimento, a não ser que haja outros aparelhos de televisão que só contam com o sinal de TV aberta. 

TV com antena parabólica
Não será preciso fazer nenhuma mudança. A antena parabólica consegue captar o sinal digital sem necessidade do conversor. 

TV aberta com antena comum
Pessoas que possuem apenas o sinal de TV aberta com antena comum, que podem ser reproduzidos em qualquer tipo de aparelho, precisarão checar a antena e o tipo de televisão instalada na residência.  

2º Passo 
Qual é o tipo de TV está instalada na residência? 

TV de Tubo
Nesse caso, será preciso instalar uma antena UHF e um conversor, permitindo que o sinal seja reproduzido no aparelho. 

TV de tela plana
Nem toda TV de tela plana está apta a receber o sinal digital. Os aparelhos fabricados até 2010 não têm conversor embutido. Por conta disso, esses televisores precisarão de um conversor externo. Para identificar se o aparelho é apto a receber o sinal, é preciso checar o manual, verificar se o controle remoto original tem botões coloridos (caso tenha, provavelmente a TV é digital) e checar se os números aparecem em formato de “número-ponto-número” após ressintonizar o aparelho. Por exemplo, 8.1 ou 5.1. 

3º Passo
Para garantir que a TV realmente está recebendo sinal digital, observe se a palavra “analógico” está aparecendo de vez em quando no canto superior da tela. Caso isso esteja acontecendo, o televisor precisa ser preparado para receber o sinal digital. 

4° Passo
Como preparar sua casa para receber o sinal digital:

1. A antena deve ser instalada em uma parte alta do lado de fora de casa, de preferência, em um local sem barreiras impedindo a passagem do sinal, como paredes e caixas-d’água. É recomendado que esse trabalho seja executado por um profissional habilitado;
2. Com a TV e o conversor desligados, conecte a antena ao conversor;
3. Conecte o conversor à TV;
4. Por meio do controle remoto do conversor, acesse a opção de buscar canais no menu; 
5. Após o término da busca, o aparelho está pronto para receber os canais digitais. 


Texto: Gabriela Maulim

Compartilhar: