Revide, Ribeirão Preto fecha mais de 300 postos de trabalho em junho, ribeirão preto, empregos, oportunidades, trabalhos, vagas

Em junho, aumentou a quantidade de demissões em Ribeirão Preto

Ribeirão Preto fecha mais de 300 postos de trabalho em junho

Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, esse é o segundo pior desempenho de 2017

Junho pode ser considerado um mês ruim para Ribeirão Preto no mercado de trabalho, com 312 vagas de emprego extintas no município, de acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, divulgado nesta segunda-feira, 17.

O desempenho foi o segundo pior do ano - apenas março conseguiu destruir mais postos de trabalho no município, fechando 574 vagas.

Entre os principais setores que empregam em Ribeirão Preto, apenas o comércio apresentou aumento no número de vagas de trabalho no sexto mês do ano – foram 108 novos empregos, com 2.155 contratações.

Já o setor de serviços, que vinha puxando as contratações em Ribeirão Preto no ano, perdeu 105 postos de emprego, enquanto a construção civil destruiu 148 vagas, e a indústria teve extintos 185 postos de emprego.

No ano, o saldo do emprego em Ribeirão Preto também é negativo. Ao todo, foram 6.884 contratações e 7.196 demissões, sendo que 295 vagas de emprego foram fechadas no município.

 No Brasil

No restante do País a situação parece ser melhor, embora a criação de empregos cresça com lentidão. Em junho, o mercado de trabalho brasileiro abriu 9.821 novos postos. O Ministério do Trabalho espera que o mercado volte a esquentar com a aprovação da reforma trabalhista, e estima que 2 milhões de vagas sejam criadas nos próximos dois anos.

 

Foto: Agência Brasil

Compartilhar: