Revide, Arquidiocese de Ribeirão Preto completa 63 anos de história , diocese, arquidiocese, papa, pio, xii, ribeirão, preto, dom, moacir

Arquidiocese de Ribeirão Preto completa 63 anos de história

Diocese foi elevada ao posto de Arquidiocese pelo papa Pio XII

No dia 30 de novembro de 1958, há exatos 63 anos, o primeiro arcebispo de Ribeirão Preto, Dom Luís do Amaral Mousinho, tornava oficial a elevação do papa Pio XII de tornar a diocese local em uma Arquidiocese.

Antes de continuar, é preciso esclarecer, o que é uma diocese? E uma arquidiocese? Uma diocese é uma divisão territorial que é administrada por um bispo. Já uma arquidiocese é um nível superior, ela exerce jurisdição sobre outras dioceses e está sob o controle oficial de um arcebispo.

A criação de dioceses e arquidioceses tem grande influência do cenário socioeconômico da sociedade. Com as mudanças na economia do país no fim do século XIX, houve o fortalecimento da cultura cafeeira no interior de São Paulo. E, com a necessidade de se organizar para enfrentar as mudanças impostas pela nova República, a Igreja Católica acompanhou esse avanço com a presença de padres e bispos para evangelizar a população.

Surgiu então, a necessidade de instalar novas dioceses e paróquias no interior do Brasil, criando-se assim, em 1908, a arquidiocese de São Paulo, e consequentemente outras cinco dioceses, em Ribeirão Preto, Campinas, Taubaté, São Carlos do Pinhal e Botucatu.

A partir da criação da diocese de Ribeirão Preto, passaram pela cidade, três bispos, Dom Alberto José Gonçalves, Dom Manuel da Silveira d'Elboux e Dom Luís do Amaral Mousinho. Este último, em 1958, depois da publicação da Bula “Sacrorum Antistitum”, passou a ser Arcebispo de Ribeirão. Apesar da elevação a arquidiocese ter sido feita pelo papa Pio XII em 19 de abril, foi só em 30 de novembro do mesmo ano que a instalação foi feita.

Dom Luís do Amaral Mousinho

O primeiro arcebispo da cidade se preocupava com a comunidade, e assim que foi anunciado o Concilio Vaticano II –  uma série de conferências ecumênicas da Igreja Católica que aconteceram de 1962 a 1965 – o Dom Luís preparou um estudo social, econômico e religioso de toda a arquidiocese para que fosse apresentado um novo projeto pastoral adequado às necessidades regionais.

Por ser um grande conhecer da cultura e sociedade ribeirãopretana, os textos de Dom Luís eram frequentemente publicados em jornais da época.

Dom Moacir Silva

O atual arcebispo da cidade foi nomeado pelo papa Francisco em 24 de abril de 2013, estando a frente da arquidiocese desde então. Dom Moacir acompanha a vida pastoral e missionária de toda a sua comunidade, e atualmente tem pregado o rejuvenescimento da arquidiocese, realizando vários projetos e colocando jovens a frente da igreja. Observando a fala do papa Francisco na Jornada Mundial da Juventude de 2016 (JMJ’16), na Cracóvia, os jovens são o agora da igreja.

Foto: Luan Porto

Compartilhar: