Comércio de Ribeirão Preto espera crescimento de até 7% nas vendas do Dia dos Namorados

Comércio de Ribeirão Preto espera crescimento de até 7% nas vendas do Dia dos Namorados

Segundo levantamento do CPV, 62% dos ribeirãopretanos têm a intenção de ir às compras

O Comércio Varejista de Ribeirão Preto projeta crescimento médio entre 5% e 7% nas vendas do Dia dos Namorados 2024 na comparação com o mesmo período do ano passado. É o que aponta o levantamento do Centro de Pesquisas do Varejo (CPV), mantido pelo Sindicato do Comércio Varejista de Ribeirão Preto e Região (SINCOVARP) e Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL). O ticket-médio do presente deve variar entre R$ 250 e R$ 300 reais.


Segundo Diego Galli Alberto, pesquisador e coordenador do CPV SINCOVARP/CDL, a expectativa local vai ao encontro da projeção da CNC (Confederação Nacional do Comércio) que é de 5,6% de crescimento em relação a 2023. “Devemos ter um pico de vendas até o dia 12 de junho e uma acomodação natural no restante do mês. A boa notícia é que o clima mais frio e a temporada de festas juninas devem contribuir para um resultado mais positivo para o Comércio em junho”, analisa.
 

Os maiores volumes de vendas tendem a se concentrar no Estado de São Paulo (R$ 829,7 milhões), Minas Gerais (R$ 252,2 milhões) e Rio de Janeiro (R$ 221,2 milhões). Para o Rio Grande do Sul, severamente afetado pela tragédia climática de maio, a CNC projeta queda de -33,7% em relação à mesma data de 2023, com movimentação financeira de R$ 127,1 milhões.
 

Intenção de compra

Com base em números da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL)/SPC Brasil/Offerwise Pesquisas, o CPV apurou que 62% dos consumidores ribeirão-pretanos pretendem ir às compras no Dia dos Namorados. O índice nacional é de 59%. Em relação às compras pretendidas, 34% esperam gastar mais nesse ano, 33% pretendem gastar o mesmo valor de 2023 e 18% menos.
 

Entre os entrevistados, 61% consideram que os preços dos presentes para o Dia dos Namorados 2024 estão mais caros do que ano passado. 33% acreditam que estão na mesma faixa de preço e 6% que estão mais baratos. 76% pretendem fazer pesquisa de preço antes das compras, principalmente pela internet.
 

Campeões de vendas


Os produtos campeões de vendas no Dia dos Namorados de 2024, serão roupas, lingeries/peças íntimas, calçados, acessórios, perfumes/cosméticos, maquiagem, bombons/chocolates, joias, bijuterias, relógios de pulso, celulares, móveis/decoração, livros e flores naturais. As lojas físicas aparecem como o principal local de compra dos consumidores (74%).
 

Modalidade de pagamento


Em relação à forma de pagamento, 65% pretendem pagar os presentes à vista enquanto 33% comprarão parcelado. 31% pagarão pelo cartão de crédito parcelado, 27% via PIX e 13% no cartão de débito. 
 

Ponto de atenção

As obras de mobilidade ainda impactam diretamente o Centro, nas avenidas Treze de Maio e Nove de Julho/Boulevard, em Ribeirão Preto. “Em maio, os transtornos geraram queda significativa nas vendas. Embora esse cenário tenha tido uma melhora, com a liberação do trânsito nas ruas Barão do Amazonas e Visconde de Inhaúma, as interdições ainda dificultam o acesso dos consumidores aos estabelecimentos, em especial nas ruas Florêncio de Abreu e Lafaiete, que agora recebem as intervenções”, afirma Galli.
 

Liderado por SINCOVARP e CDL, o Comitê de Acompanhamento das Obras de Mobilidade em Ribeirão Preto reforçou na última terça-feira, 4, para a Prefeitura, sete sugestões/solicitações no sentido de minimizar impactos junto ao Comércio Varejista nessa reta final para o Dia dos Namorados. Entre elas, a interrupção das obras no sábado, 8, na terça-feira, 11, e na quarta-feira, 12; A suspensão de novas interdições, até o dia 12 de junho, bem como a suspensão da cobrança de Área Azul em todos os corredores comerciais que tenham essa operação; E, ainda, a permissão de estacionamento na avenida Dom Pedro I, no Ipiranga, no sábado, 8, e na quarta-feira, 12, entre outras medidas.
 

Sem horário especial

Para o Dia dos Namorados, 12, não haverá horário especial de funcionamento no Comércio Varejista de Ribeirão Preto. O expediente do Comércio Tradicional seguirá o horário normal previsto na Convenção Coletiva de Trabalho, com abertura das 9h às 18h. Os Shoppings também funcionarão normalmente das 10h às 22h.


Foto: Arquivo Revide

Compartilhar: