Revide, Sandro Rovani consegue habeas corpus no STJ, sandro rovani, sevandija, mamãe noel, dárcy

Sandro Rovani consegue habeas corpus no STJ

Sandro Rovani consegue habeas corpus no STJ

Defesa do advogado alegou que prisão preventiva foi ilegal; decisão saiu na noite desta quarta, 14

O advogado Sandro Rovani conseguiu a liminar de habeas corpus na noite desta quarta-feira, 14, no Superior Tribunal de Justiça (STJ). Rovani foi um dos detidos na Operação Mamãe Noel, a segunda fase da Sevandija, que investiga desvios de R$ 45 milhões dos cofres da prefeitura de Ribeirão Preto.

A defesa de Rovani alega que a prisão preventiva do advogado havia sido ilegal, pois teria desrespeitado outra liminar de habeas corpus expedida pela justiça que já havia dado a liberdade para Sandro, que foi um dos 11 presos na primeira fase da Operação Sevandija.

"Entendo que a liminar foi desrespeitada. Se não tem alteração do quadro processual dele, a prisão é abusiva, ilegal", afirmou o advogado Julio Mossin, que defende Rovani que completou afirmando que "se soltou em liminar, significa que a prisão foi ilegal”.

A defesa havia entrado com o pedido da liminar nesta quarta-feira, 14, que foi julgada pelo ministro Sebastião Reis Júnior, da sexta turma do STJ.

Marco também

O ex-superintendente do Daerp e ex-secretário da Administração, Marco Antonio dos Santos, entrou nesta quarta com um pedido de extensão da liminar de habeas corpus da prefeita afastada Dárcy Vera (PSD) para também conseguir a liberdade. O STJ concedeu a liminar ao ex-secretário.

Foto: José Cruz/ Agência Brasil

Compartilhar: