Revide, Butantan inicia aplicação de segunda dose em Serrana , projeto, s, vacinação, massa, serrana, cidade, ribeirão, preto, usp, coroanvírus,

27.621 voluntários, o que representa cobertura de 97,3% do total de inscritos, receberam a primeira dose

Butantan inicia aplicação de segunda dose em Serrana

Na primeira fase foram vacinados 27.621 participantes, o que representa 97,3% do público-alv

Governo de São Paulo e o Instituto Butantan iniciaram nesta quarta-feira, 17, o segundo ciclo do estudo clínico realizado na cidade de Serrana para verificar a redução do contágio pelo novo coronavírus na população local. O "Projeto S" aplicou a primeira dose da vacina desenvolvida em parceria com a farmacêutica Sinovac Life Science em 27.621 voluntários, o que representa cobertura de 97,3% do total de inscritos.

A pesquisa clínica, coordenada pelo Butantan em parceria com a USP de Ribeirão Preto, tem como objetivo estudar a eficiência da vacina na diminuição da transmissibilidade do vírus. A eficácia e a segurança do imunizante já foram comprovadas por meio de testes de fase 3 com12,5 mil voluntários em 16 centros de pesquisa brasileiros.

A ação separou a cidade por grupos conhecidos como clusters e identificados pelas cores verde, amarelo, cinza e azul. Semanalmente os participantes de cada cluster, cadastrados voluntariamente, puderam se apresentar em um dos oito centros de pesquisas instalados na cidade para iniciar sua participação no estudo clínico e receber a primeira dose.

No cluster verde foram 6.763 vacinados com a primeira dose da vacina do Butantan. Já na semana do grupo amarelo receberam a primeira dose 6.480 pessoas. Entre os inscritos no grupo cinza 6.049 pessoas receberam o imunizante, e no azul foram 8.329 vacinados

Podem participar da pesquisa clínica todos os moradores acima de 18 anos de idade, com exceção de gestantes, lactantes e pessoas com doenças graves ou descontroladas.

A aplicação da segunda dose será seguida pela mesma ordem de cores, começando pelo cluster verde nesta quarta-feira, o amarelo no dia 24 de março, cinza a partir do dia 31 e o azul no dia 7 de abril. Sempre de quarta à domingo, das 14h às 20h30.

O município de Serrana foi escolhido para sediar o projeto por apresentar alto índice de prevalência de infecções por Sars-Cov-2, além de ter um hospital público estadual e ficar próximo a um centro universitário, entre outros fatores. O objetivo é estudar o impacto epidemiológico da vacinação no conjunto da população adulta, sob o ponto de vista de contenção da pandemia.

A vacina é aplicada somente em moradores voluntários, com intervalo de quatro semanas entre as duas doses. Os participantes serão vacinados em datas previamente agendadas. O estudo fará uma série de comparações entre cada grupo antes e depois da vacinação.

 

Foto: Divulgação / Imprensa Projeto S

Compartilhar: