Revide, Prefeitura de Ribeirão Preto prorroga fase restritiva por mais dois dias , coronavírus, medidas, Prefeitura de Ribeirão Preto

O transporte público segue suspenso até o dia 7 de junho

Prefeitura de Ribeirão Preto prorroga fase restritiva por mais dois dias

Após esse período, na quinta-feira, 3, serão iniciadas flexibilizações gradativas das atividades comerciais no município

A Prefeitura de Ribeirão Preto anunciou na manhã desta segunda-feira, 31, durante coletiva transmitida pelas redes sociais, a prorrogação da Fase Emergencial Restritiva por mais dois dias, com a liberação apenas da distribuição de alimentos pela Secretaria da Educação. Dessa forma, até quarta-feira, 2 de junho, as medidas de restrição seguem em vigor no município. 

“Os índices de internações, ocupações de leitos e mortes por causa da Covid ainda estão muito altos, bastante críticos com sobrecarga em todo o sistema de saúde da cidade, tanto públicos como privados”, disse o secretário municipal da Saúde e coordenador do Comitê Técnico de Contingenciamento da Covid-19 na cidade, Sandro Scarpelini, na coletiva, que contou com a presença do prefeito Duarte Nogueira (PMDB) e do secretário de Governo, Antônio Daas Abboud.

Após esse período, na quinta-feira, 3, serão iniciadas flexibilizações gradativas das atividades comerciais. Apesar disso, o transporte coletivo continuará suspenso até o dia 7 de junho. Veja todas as regras no final da notícia.

Do dia 7 ao dia 13 de junho, Ribeirão Preto passará a obedecer integralmente o Plano São Paulo.

Aumento dos casos e internações 

A prorrogação das medidas mais restritivas no município ocorre em razão do aumento dos casos, óbitos e internações nos últimos dias. De acordo com as informações divulgadas durante a coletiva, entre o dia 15 e 29 de maio, os Pólos Covid e UPAs apresentaram uma elevação nos casos de pacientes que precisaram de Intubação Orotraqueal. Abaixo, veja os números: 

Gráfico divulgado pela Secretaria Municipal da Saúde

O número de pacientes internados entre os dias 22 e 24 de maio apresentou um pequeno aumento, mas voltou a cair nos últimos dias - de 25 a 30 de maio. Entretanto, se comparado aos meses março e abril, em alguns dias, a média dobrou. Veja no gráfico: 

Gráfico divulgado pela prefeitura

Leitos

Nesta segunda-feira, 31, a cidade registrou 95,94% de ocupação nos leitos das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) Covid-19. A cidade possui, ao todo, 320 leitos para o tratamento de pacientes infectados pelo coronavírus, 307 deles estão em uso, e em 222 as pessoas internadas usam respiradores. 

Vacinação

Desde o início do Programa de Imunização até esta segunda-feira, 31, o município de Ribeirão Preto aplicou 256.245 das 304.540 doses da vacina contra a Covid-19 distribuídas pelo Governo do Estado de São Paulo. Desse total, foram vacinadas 165.937 pessoas com a primeira dose do imunizante, e 90.308 delas concluíram a imunização. 

LEIA TAMBÉM: 
Ribeirão Preto está com 95,94% dos leitos das UTI's Covid-19 ocupados nesta segunda-feira, 31
Após vacinação em massa, Serrana vê mortes por Covid-19 caírem 95%

Confira as fases e as medidas de cada uma delas abaixo:

Fase Emergencial Restritiva até quarta-feira, 2

Podem funcionar 
- Assistência em saúde (serviços médicos, laboratoriais, farmácias e hospitalares) 
- Veterinário 
- Assistência social 
- Defesa Civil  
- Agências bancárias 
- Indústria 
- Construção civil 
- Postos de combustível 
- Transporte por aplicativo 
- Serviços funerários 
- Locação de veículos 

Não podem funcionar 
- Comércio em geral 
- Shopping Center 
- Escolas 
- Transporte público 
- Salões de beleza 
- Academias 
- Oficinas mecânicas 
- Parques 
- Atividades religiosas, cultos (os templos permanecem com as portas abertas) 
- Restaurante (permitido apenas delivery até as 23h) 
- Supermercados (permitido delivery e drive thru até as 23h) 
- Eventos esportivos 
- Aglomerações ao ar livre 
- Serviços em geral (exceção feita aos escritórios de contabilidade, permitido o funcionamento com a capacidade limitada a 60% dos funcionários, e atendimento remoto preferencialmente) 

Toque de recolher: das 21h às 5h

Fase restritiva de 3 a 6 de junho permite a abertura de:

- Supermercados e similares

- Óticas

- Lojas de materiais de construção

- Parques e praças

- Feiras livres

Fase de transição de 7 a 13 de junho abertura de:

- Atividades comerciais (atendimento presencial entre 6h e 22h)

- Atividades religiosas

- Restaurantes e similares (consumo local entre 6h e 22h)

- Academias de esporte (atendimento presencial entre 6h e 22h)

- Salão de beleza e barbearia (atendimento presencial entre as 6h e 22h)

- Atividades culturais

- Escolas (atendendo aos protocolos)

- Circulação do transporte público

 

Foto: Arte Revide

Compartilhar: