Revide, Suely Vilela pede exoneração da Secretaria da Educação de Ribeirão Preto, suely vilela, educação, secretaria, ribeirão preto, duarte nogueira

Suely Vilela é a terceira secretária a pedir exoneração no atual governo

Suely Vilela pede exoneração da Secretaria da Educação de Ribeirão Preto

Ex-reitora da USP deve permanecer no cargo até a nomeação de substituto

O governo do prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira (PSDB), teve a baixa do terceiro secretário neste primeiro ano de mandato. A secretária municipal de Educação, Suely Vilela, pediu a exoneração do cargo nesta quarta-feira, 29.

Suely, ex-reitora da Universidade de São Paulo - a primeira mulher a ocupar a função -, deixa o secretariado após as baixas na Cultura, atualmente comandada por Isabella Pessotti, e no Planejamento, comandado por Edsom Ortega. Antes haviam deixado o cargo José Carlos Ferreira Filho e Ruy Salgado.

Todavia, a secretária permanece à frente da Educação, até  nomeação de um novo nome. Suely chegou a sofrer críticas da classe dos professores por ter proposto um programa, que ficou conhecido como "Uber da educação", pelos contrários a proposta, em que a ideia era pagar por aulas avulsas a docentes, sem ligação com o município, sempre que faltarem profissionais na rede municipal de ensino.

O anúncio do pedido de exoneração foi divulgado por meio de nota no início da noite desta quarta-feira, 29:

A Administração Municipal informa que a secretária da Educação, professora Suely Vilela, pediu, na tarde desta quarta-feira, dia 29 de novembro, exoneração do cargo ao prefeito Duarte Nogueira, que aceitou o pedido. Ela permanece à frente da Secretaria até a nomeação do novo ocupante da pasta, o que deve ocorrer nos próximos dias.

Foto: Arquivo Revide

Compartilhar: